Horário de atendimento: De segunda a sexta-feira das 8:00 às 18:00
Fale conosco: (11) 2065-7858 / (11) 95055-8722
logo
MENU

Sensor de Temperatura - TE - Digimec

Selecione Modelo
Selecione o Tamanho da Haste do Sensor
R$ 160,10
ou em até 6x de R$ 28,87 no cartão
Esse produto encontra-se indisponível.Deixe seu contato que avisaremos quando chegar.
    • 1xdeR$ 160,10sem juros
    • 2xdeR$ 82,82
    • 3xdeR$ 55,84
    • 4xdeR$ 42,35
    • 5xdeR$ 34,26
    • 6xdeR$ 28,87

Cabeçote: KSC
Material do cabeçote: Alumínio injetado e pintado com tinta epóxi eletrostática cor cinza metálica
Dimensão externa da tampa do cabeçote: 59mm
Material da haste: Inox 304
Rosca do processo: 1/2" BSP
Prensa cabo: 3/8 BSP

Faixa de temperatura: -50 até 400ºC


Os termopares disponíveis no mercado têm os mais diversos formatos, desde os modelos com a junção descoberta até os modelos que estão incorporados em sondas. Estão disponíveis uma grande variedade de sondas, adequadas para diferentes aplicações (industriais, científicas, investigação médica, etc...).
Os modelos com cabeçote e haste são ideais pois trabalham com uma gama de temperaturas ampla, são mais exatos e a confiáveis nas leituras, resistentes, entre outras vantagens.

A composição:

Tipo J (Ferro / Constantan)
A sua faixa limitada é a responsável pela sua menor popularidade em relação ao tipo K. Aplica-se sobretudo com equipamento já velho que não é compatível com termopares mais ?modernos?.
A utilização do tipo J acima dos 760 °C leva a uma transformação magnética abrupta que lhe estraga a calibração.
Termoelemento positivo (JP): Fe99,5%
Termoelemento negativo (JN): Cu55%Ni45% (Constantan)
f.e.m. produzida: -8,096 mV a 42,919 mV

Tipo K (Cromel / Alumel)
O termopar tipo K é um termopar de uso genérico.
Tem um baixo custo e, devido à sua popularidade estão disponíveis variadas sondas. Cobrem temperaturas entre os -200 e os 1200 °C, tendo uma sensibilidade de aproximadamente 41µV/°C
Termoelemento positivo (KP): Ni90%Cr10% (Cromel)
Termoelemento negativo (KN): Ni95%Mn2%Si1%Al2% (Alumel)
f.e.m. produzida: -6,458 mV a 48,838 mV

Uma termorresistência (RTD do inglês Resistance Temperature Detector, em espanhol termocoupla T/C) é um sensor que permite conhecer a temperatura do meio ambiente, recorrendo à relação entre a resistência eléctrica de um material e a sua temperatura. A maior parte das termorresistências são feitas de platina, mas são também utilizados outros materiais, como por exemplo o níquel. Por norma, quando se fala de uma termorresistência ela é identificada pelo material que a constitui e pela resistência que apresenta a 0 °C. Por exemplo, uma Pt-100 será uma termorresistência de platina que a 0 °C apresenta uma resistência de 100.

Fácil de entender:

Termopar = Altera um valor de tensão (diferença de potencial) em milivolts em seus terminais conforme a temperatura oscila
Termoresistência = Altera um valor de resistência em ohms em seus terminais conforme a temperatura oscila.


 

Aproveite e veja também

Tecnologia
iSET - Plataforma de E-commerce para criar loja virtual
Plataforma de E-commerce para criar loja virtual